Restaurante Space 220 tem abertura prevista para abril no EPCOT

Restaurante Space 220

A procura pelo gerente geral do Restaurante Space 220 está sendo finalizada e ao que tudo indica, deverá inaugurar ao lado da atração Mission: SPACE no EPCOT no próximo mês.

O Restaurante Space 220 oferecerá uma experiência gastronômica única. Você embarcará em um elevador especial para uma viagem de 354 km acima da Terra até uma estação espacial, onde poderá desfrutar de refeições e bebidas fantásticas enquanto aprecia vistas verdadeiramente fora deste mundo.

Epcot International Flower & Garden Festival 2020

Começou ontem (04 de março) o Epcot International Flower & Garden Festival – um dos festivais mais bacanas do parque e que esse ano irá durar 90 dias. Além disso, não é necessário ingresso adicional para participar do festival, apenas o ingresso básico.

Epcot International Flower & Garden Festival
Foto: Divulgação © Disney

O evento irá acontecer até dia 01 de junho e incluiu ao parque Epcot jardins brilhantes, topiárias com seus personagens favoritos da Disney, cozinhas externas com sabores incríveis, e a popular série de concertos Garden Rocks (que esse ainda terá a primeira brasileira, Claudia Leite irá se apresentar nos dias 22 e 23 de maio).

Os menus do festival são sempre a cereja do bolo (você encontrará as barquinhas ao estilo do Food and Wine Festival). Você encontrará limonada violeta congelada no deserto do Pineapple Promenade, a espiga de milho grelhada da Trowel & Trellis e a saborosa novidade da ADORABLE Orange Bird, com um delicioso shake de creme de laranja no The Citrus Blossom.

Epcot International Flower & Garden Festival
Foto: Divulgação © Disney

Novas opções de comida incluem uma novíssima cozinha ao ar livre. Localizada no The American Adventure, apresenta vários pratos de frutos do mar incríveis, boudin caseiro e duas sobremesas ao estilo do sul. O Southern Seafood Boil oferece camarão, mexilhões, lagostins, batatas, milho e linguiça andouille.

Epcot International Flower & Garden Festival
Foto: Divulgação © Disney

Depois que você se deliciar com salgados, satisfaça seu paladar com alguns clássicos do sul: um praliné de nozes ou um bolo de nozes coberto com chantilly de bordo.

Segue abaixo relação completa dos artistas que irão se apresentar durante o Epcot International Flower & Garden Festival 2020, no palco do Garden Rocks Concert Series – localizado na frente do pavilhão do The American Adventure:

  • Peabo Bryson – 4 e 5 de março
  • The Orchestra starring former members of ELO – 6 a 9 de março
  • The Guess Who – 10 a 12 de março
  • Simple Plan – 13 a 16 de março
  • STARSHIP featuring Mickey Thomas – 17 a 19 de março
  • Mark Wills – 20 a 23 de março
  • The Spinners – 24 a 26 de março
  • Sister Hazel – 27 e 28 de março
  • The Pointer Sisters – 29 e 30 de março
  • Steve Augeri – Former Lead Vocalist of Journey – 31 de março a 2 de abril
  • Blood, Sweat & Tears – 3 e 4 de abril
  • Expose’ – 5 e 6 de abril
  • Berlin – 7 a 9 de abril
  • A Flock of Seagulls – 10 e 11 de abril
  • Atlantic Starr – 12 e 13 de abril
  • Tony Orlando – 14 a 16 de abril
  • High Valley – 17 e 18 de abril
  • Rick Springfield – 19 e 20 de abril
  • Christopher Cross – 21 a 23 de abril
  • Plain White T’s – 24 a 27 de abril
  • Don Felder – Formerly of The Eagles – 28 a 30 de abril
  • Don McLean – 1 e 2 de maio
  • Casting Crowns – 3 e 4 de maio
  • Ambrosia with Peter Beckett – 5 a 7 de maio
  • Thelma Houston – 8 e 9 de maio
  • The Allman Betts Band – 10 e 11 de maio
  • Air Supply – 12 a 14 de maio
  • Herman’s Hermits starring Peter Noone – 15 a 18 de maio
  • Mike DelGuidice & Big Shot – 19 a 21 de maio
  • Claudia Leitte – 22 e 23 de maio
  • Daughtry – 24 e 25 de maio
  • Marshall Tucker Band – 26 a 28 de maio
  • Crowder – 29 e 30 de maio
  • Survivor – 31 de maio e 01 de junho
Epcot International Flower & Garden Festival
Foto: Divulgação © Disney

REVIEW Disneyland Paris: Buffalo Bill’s Wild West Show…with Mickey & Friends!

Confesso que minha opinião sobre o Buffalo Bill’s Wild West Show é bastante dividida. Esse jantar show está localizado no Disney Village.

Assim que você chega, já recebe um chapéu de cowboy (que você pode levar com você de recordação) e fica em uma área de recepção aguardando as chamadas para acomodação. Lá é possível você comprar um chopp ou destilado e assistir ao Pateta interagir com algumas pessoas de um palco menor armado nessa área.

Depois de acomodados, eles começam a servir as bebidas (agora sim, inclusas durante toda a refeição – alcoólica e não alcoólica). E o show começa. Ele dura aproximadamente 1h30.

A comida do Buffalo Bill’s Wild West Show

De entrada, recebemos um pratinho de chilli (um ensopado picante contendo pimenta, carne, tomate e feijão). Não sei se era fome, mas estava uma delícia.

Logo depois começam a servir o prato principal – que na verdade vão colocando “comida no seu prato” aos poucos – eu achei inusitado e interessante. Vem uma pessoa e coloca umas batatas. Depois vem outra e coloca uma coxa e sobrecoxa de frango assado, depois umas costelinhas. Sério, era bastante comida.

O show continuava e eu literalmente não estava entendo muito bem, pois boa parte dele era em francês – mas também não precisava muito. A mesma história de sempre: o bem contra o mal, palhaçadas, setor contra setor em uns jogos montados na arena e assim se passou 1h30.

Ah! A sobremesa.

A foto saiu tremida, mas era um doce de maça e em cima uma bola de sorvete de baunilha. Também estava muito gostoso.

Veredito do Buffalo Bill’s Wild West Show

Voltaria? Talvez. Não pelo show, mas sim pela comida. Os personagens da Disney aparecem poucas vezes, então se você espera levar as crianças para um show Disney, irá se decepcionar.

É recomendável fazer uma reserva atencipada (principalmente em alta temporada) pelo telefone  08448 008 898 ou comprar pela internet, no site da Disneyland Paris.

REVIEW Disneyland Paris: Restaurant Agrabah Café

Almocei no Restaurant Agrabah Café na Disneyland Paris em setembro de 2019 e gostei muito. Antes de mais nada, eu achei os restaurantes da Disneyland Paris muito mais tematizados dos que os de Orlando.

Nos parques de Paris, o restaurante é uma atração a parte. Todos aqui foram incrivelmente atenciosos e o serviço foi muito mais rápido do que no Bistrot Chez Rémy.

O Restaurant Agrabah Café funciona no estilo buffet

Na ocasião, o buffet custava 36 euros por adulto e a comida era predominantemente árabe – mas sim, era possível encontrar outros tipos de comidas também – muitas opções de salada, por exemplo.

Nosso tempo total no restaurante foi de mais ou menos 1 hora e a vontade era de ficar mais ou pouco, esperando “a comida baixar” para comer mais alguma coisa. Eu realmente gostei bastante da comida.

A sobremesa do Restaurant Agrabah Café é um espetáculo a parte.

Todos os doces eram saborosos e fiz questão de experimentar um pouquinho de cada um. Meu preferido foi o bolinho de gengibre.

Veredito do Restaurant Agrabah Café

De todos os restaurantes que experimentei no complexo da Disneyland Paris – esse foi o meu preferido e com muita certeza que agendarei um almoço ou jantar novamente em uma próxima visita.

REVIEW Disneyland Paris: Bistrot Chez Rémy

Conheci o Bistrot Chez Rémy em setembro de 2019. Ele é tido como o melhor restaurante do complexo da Disneyland Paris por diversos blogs e sites. Sinceramente, eu apenas o achei OK.

Mesmo com a chegada antes do horário da reserva – sim, é realmente necessário efetuar uma reserva, a recepção do restaurante estava lotada e a chamada das mesas era incrivelmente lenta. Logo pensei: O restaurante deve estar lotado – mas para minha surpresa, veja as fotos que tirei, logo quando entramos:

A temática do Bistrot Chez Rémy é impressionante

É como você tivesse sido reduzido ao tamanho de um rato. As cadeiras por exemplo, são como se fosse as tampas de espumante ou rolhas de garradas – as mesas, como se fossem tampas de potes de vidro ou de latas de mantimentos. Alguns lustres lembram aqueles guarda-chuvas de coquetéis. É realmente tudo muito bonito.

Infelizmente o que o restaurante tem de bonito, tem de lento. Informamos que iriamos utilizar o Plano de Refeições e prontamente nos mostraram as opções que estavam em acordo com nosso plano.

Ah! Vale lembrar que o restaurante fica nos segundo parque do complexo, o Walt Disney Studios.

A comida do Bistrot Chez Rémy

O nosso menu era composto de entrada, prato principal e sobremesa. Teria o custo de 41 euros, caso não estivéssemos usando o plano de refeição.

De entrada, pedimos uma sopa de queijo – que prontamente nos explicaram que era uma sopa fria e não quente. Mesmo assim, resolvermos experimentar. Uma delícia.

Bistrot Chez Rémy

Na sequencia, chegou o prato principal. Pedi o Filé grelhado com ratatouille e batatas fritas. Junto com o prato eu poderia escolher o tipo de molho para acompanhar o filé, acabei escolhendo o Brie.

Estava gostoso, mas nada de extraordinário para justificar o preço pago.

Para sobremesa acabei perguntando a atendente uma indicação, e sua sugestão foi Gusteau’s Dessert. É uma espécie de Beignet (no Brasil mais conhecido como Carolina). Estava deliciosa.

Veredito do Bistrot Chez Rémy

Voltaria apenas se estivesse novamente no plano de refeições, caso contrário não. Para mim, o valor não justificou o prato servido e achei o restaurante super estimado pelo que havia lido anteriormente em blogs e sites.

A temática é incrível e todo o ambiente é como se você realmente tivesse em um mundo a parte – Disney sendo Disney em sua melhor forma. Talvez seja um dos restaurante temáticos que mais tenha me agradado nos últimos tempos, pena a comida ser apenas OK.

5 Dicas especiais para você curtir a Disneyland Paris

Confira nesse post, 5 dicas especiais para você curtir a Disneyland Paris.

Foto: Divulgação © Disney
  1. Chegue cedo. O processo de revista para entrada no complexo é bastante similar aos parques de Orlando – porém aqui, independente para qual parque você vá, a revista acontece em um local único e imagine que muitas pessoas estejam saindo da estação de trem ao mesmo tempo. Se o parque abre as 10h, programe-se para estar chegando na Disneyland Paris por volta das 9h.
  2. Confira o horário dos personagens. Assim que chegar ao parque, confira nos mapas que são distribuídos na entrada os horários e quais personagens estarão disponíveis para fotos nesse dia. Os horários são bastante restritos e alguns personagens exigem uma reserva online na fila – você deve baixar o aplicativo LineBerty – as reservas começam a partir de 15 minutos antes do horário que estará marcado no mapa. Baixe o aplicativo ainda no Brasil, faça sua conta e deixe tudo preparado para no dia, apenas usá-lo.
  3. O Disney Village oferece uma grande opção de restaurantes mais baratos que os de dentro dos parques. Lá você encontra McDonalds, Earl of Sandwich, Five Guys, Starbucks e mais. Caso queira economizar e esteja fazendo os dois parques em um único dia, poderá almoçar em um destes restaurantes, pois o Disney Village fica literalmente entre os dois parques temáticos.
  4. A Disneyland Paris tem aplicativo para smartphones e funciona super bem. Vale lembrar que os parques oferecem wi-fi gratuito, mas não é muito bom como em Orlando. No aplicativo, você pode conferir os mapas dos parques, tempos de filas das atrações e horário e local dos personagens.
  5. O fastpass por aqui ainda é aquele de papel – que você vai até a frente da atração, inseri o seu ingresso ou chave do hotel, e retira o horário que deverá retornar. Porém existe uma opção paga – abaixo você confere preços e atrações que incluem em cada opção.
    Se você estiver pensando em ir um só dia nos dois parques, o fastpass pago pode ser um grande aliado. Valores deverão ser confirmados.
Disneyland Paris

Você sabia que temos três páginas super especiais sobre o complexo de Paris? Confira:

Tudo o que você precisa saber sobre a Disneyland Paris

Adicionamos aqui no site uma série de informações para você saber tudo da Disneyland Paris.

Você poderá conferir as principais atrações de cada parque, que são dois: Disneyland Park e Walt Disney Studios Park.

Vale a pena se hospedar no complexo da Disneyland Paris? Confira uma página completa com todos os benefícios e resumo de cada hotel. Inclusive um vídeo do hotel que eu me hospedei no ano passado.

Além é claro de diversas dicas sobre o complexo.

Clique aqui e boa leitura.